Corinthians

Corinthians volta à Neo Química Arena com empate.

Após 40 dias longe da Neo Química Arena, o Corinthians voltou a jogar em sua casa na noite desta sexta (16). A equipe alvinegra enfrentou o São Bento em ...

Por Redação

há 1 mês


Corinthians volta à Neo Química Arena com empate.
Rodrigo Coca / Agência Corinthians


Após 40 dias longe da Neo Química Arena, o Corinthians voltou a jogar em sua casa na noite desta sexta (16). A equipe alvinegra enfrentou o São Bento em partida válida pela 7ª rodada do Estadual e ficou no empate por 1 a 1 com a equipe de Sorocaba. O gol corinthiano foi anotado por Fábio Santos, de pênalti.

 

Timão escalado

O técnico Vagner Mancini levou a campo uma equipe com algumas alterações em comparação com o time que iniciou a última partida contra a Ferroviária.

O treinador escalou um onze inicial com: Cássio (capitão); Fagner, Bruno Méndez, Gil, Fábio Santos; Gabriel, Cantillo, Vitinho, Rodrigo, Gustavo Silva; Cauê. À disposição no banco de reservas estavam: Matheus Donelli, Jemerson, Lucas Piton, Luan, Ramiro, Otero, Léo Natel, Araos, Roni, João Victor, Gabriel Pereira e Jô.

 

Bola em jogo!

A partida começou bastante disputada no meio de campo, mas sem que as equipes pudessem criar muitas jogadas de perigo, até que aos 7 minutos, Gabriel, lateral do São Bento, fez ótima jogada individual e conseguiu abrir o placar com um chute de longe.

A primeira oportunidade do Timão apareceu só aos 10 minutos, quando Gustavo Silva bateu de fora da área, mas a bola saiu pela lateral do gol. A partir daí, o alvinegro jogou bastante tempo no campo adversário, que se fechou inteiro, dificultando as ações ofensivas.

Aos 20 minutos a primeira tabela que funcionou. Vitinho recebeu na ponta, esperou a passagem de Fábio Santos e rolou para o lateral, que de primeira achou um cruzamento rasteiro para Gabriel dominar e finalizar, mas o zagueiro conseguiu bloquear a finalização do volante corinthiano.

O jogo ficou ainda mais complicado até que aos 39, a melhor chance do Timão na partida. Gustavo Silva fez outra jogada na ponta direita e conseguiu um passe para Gabriel, mais uma vez dentro da área, finalizar forte para ótima defesa do goleiro.

As duas últimas chances aconteceram aos 44 e 46 minutos. Na primeira, Bruno Méndez finalizou da intermediária e quase surpreendeu com um belo chute, e na segunda, Vitinho conseguiu boa movimentação e bateu para fora, encerrando o primeiro tempo.

 

Segundo tempo

Vagner Mancini decidiu mudar o Corinthians na volta para o campo: Otero, Luan e Jô entraram nas vagas de Rodrigo, Vitinho e Cauê, respectivamente. Logo no primeiro minuto, a primeira chance da etapa final. Em falta lateral, Otero bateu direto pro gol, orbigando mais uma defesa do goleiro adversário.

O Corinthians começou a acelerar a troca de passes, principalmente no último terço do campo, o que resultou na segundo chance, aos 4. Após rápida tabela, o Timão chegou na área do São Bento com Jô, que conseguiu tocar para a finalização de Luan, mas a bola acabou subindo demais.

Aos 19, a quarta substituição: Gabriel deu lugar a Léo Natel. Mais ofensividade para o alvinegro.

A equipe de Sorocaba continou bem fechada, mas sem propor jogo, o que possibilitou que o Corinthians ficasse bastante tempo com a bola nos pés. Essa posse de bola resultou em muita pressão, mas sem grandes chances de gol.

Com 30 minutos, o lance que resultaria o empate do Timão. Luan cobrou escanteio, e a bola bateu na mão do zagueiro adversário dentro da área: pênalti para o Corinthians. Fábio Santos converteu a penalidade e deixou tudo igual na Neo Química Arena.

A última alteração veio aos 33 minutos, quando Gabriel Pereira entrou no lugar de Gustavo Silva.

Até o fim da partida, o alvinegro martelou, mas não conseguiu criar mais nenhuma chance clara de gol. E assim se encerrou a partida aos 50 minutos, com empate em 1 a 1 contra o São Bento.

 

 

 
Outras noticias do Corinthians

  Corinthians x São Bento – 10 curiosidades do confronto